Datafolha: Bolsonaro bate recorde de rejeição com 53%

No entanto, entre os mais ricos, a reprovação de Bolsonaro saiu de 58% em julho para 46% neste mês

por Jameson Ramos qui, 16/09/2021 - 18:33
Jose Dias/PR Reprovação do presidente segue crescendo Jose Dias/PR

A última pesquisa Datafolha, divulgada nesta quinta-feira (16), mostra que a reprovação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) segue crescendo e chegou ao seu pior índice, com 53% de rejeição. Em julho deste ano, o Datafolha tinha confirmado que 51% das pessoas entrevistadas não gostavam do governo Bolsonaro. 

O presidente foi avaliado positivamente como "bom" ou "ótimo" por 22% dos eleitores ouvidos, o que representa uma oscilação negativa de 2% dos 24% registrados na última pesquisa. 

O Datafolha detalha que Bolsonaro sofreu um aumento expressivo de rejeição entre as pessoas que ganham de 5 a 10 salários mínimos, saltando de 41% para 50%. Entre os que ganham até dois salários mínimos, 56% consideram o governo do presidente ruim. 

Já entre os mais ricos do país, a reprovação de Bolsonaro saiu de 58% em julho para 46% neste mês. A pesquisa foi dos dias 13 a 15 de setembro. Segundo o Datafolha, 3.667 pessoas com mais de 16 anos foram entrevistadas em 190 municípios do Brasil. A margem de erro é de dois pontos.

COMENTÁRIOS dos leitores