Esportes

| Futebol

Após a chuva adiar a partida de segunda-feira, na Ilha do Retiro, Sport x CRB se enfrentaram nesta terça-feira (24), na Arena de Pernambuco, ainda debaixo d’água, mas com uma drenagem melhor no gramado. Com a bola rolando, o time alagoano saiu na frente no primeiro tempo, com um gol de Anselmo Ramon, segurou o Leão e voltou para casa com os três pontos. Com o resultado, o CRB deixou a zona de rebaixamento. Já o Sport perdeu a primeira partida como mandante no Campeonato Brasileiro da Série B, mas segue no G4, com 15 pontos.

JOGO 

##RECOMENDA##

O CRB começou melhor e em uma escapada, aos 23 minutos, Guilherme Romão invadiu a área e acabou derrubado por Everton Felipe. Anselmo Ramon foi para a cobrança e bateu com categoria, abrindo o placar para os visitantes.

Para a segunda etapa, Gilmar Dal Pozzo se lançou para o ataque, colocando Kayke no lugar de Bruno Matias. O Leão, enfim, pressionou o adversário com força. Foi uma blitz atrás da outra, mas o goleiro Diogo Silva ia garantindo para o CRB.

A melhor chance foi quando Sander puxou o contra-ataque, achou Kayke, que serviu Búfalo dentro da área. O chileno, porém, se enrolou e quando puxou para a perna esquerda, mandou todo tronxo para fora. Mesmo pressionando, o Leão não acertou o pé e o gol de empate não saiu.

FICHA TÉCNICA

Competição: Campeonato Brasileiro da Série B

Local: Arena de Pernambuco

Sport: Mailson; Ewerthon, Sabino, Rafael Thyere e Sander (Alan); William Oliveira, Bruno Matias (Kayke) e Luciano Juba; Everton Felipe (Ray Vanegas), Giovanni (Thiago Lopes) e Búfalo (Kayke). Técnico: Gilmar Dal Pozzo

CRB: Diogo Silva; Gum, Gilvan (Iago Mendonça) e Wellington Carvalho. Raul Prata (Reginaldo), Claudinei (Willian Corrêa), Yago (Marthã) e Guilherme Romão (Bryan); Fabinho, Richard e Anselmo Ramon. Técnico: Daniel Paulista

Gol: Anselmo Ramon (CRB)

Arbitragem: Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP)

Assistentes:  Evandro de Melo Lima (SP) e Daniel Luis Marques (SP)

VAR: Vinicius Furlan (SP)

Cartões amarelos: Willian Corrêa e Richards (CRB)  

Público: 12.864

Renda: R$ 197.945

O volante Marcos Serrato, atualmente no Criciúma, está cobrando o Sport na justiça por atrasos salariais e depósitos do FGTS. Uma audiência está marcada para acontecer nesta quarta-feira (25), na 22ª vara do trabalho do Recife. 

O jogador deu entrada no processo em janeiro deste ano cobrando ao Sport multas, salários e FGTS. Previamente, não houve acordo entre ele e o clube e a Justiça do Trabalho acabou autorizando a abertura do processo através do juiz Edmilson Alves da Silva. Na consulta ao processo, o LeiaJá não teve acesso aos valores da ação, mas especula-se algo em torno dos 300 mil reais. 

##RECOMENDA##

Serrato chegou ao Sport no fim de 2020 e ainda ficou para a temporada seguinte. Mas foram poucos jogos, apenas cinco. Nenhum como titular. Nesta temporada, pelo Criciúma, ele já jogou seis vezes.

As seleções do Paraguai e Chile convocaram respectivamente os zagueiros Gustavo Gómez e Kuscevic para os amistosos internacionais e aumentaram os problemas do técnico Abel Ferreira para escalar o time do Palmeiras nos próximos jogos do calendário brasileiro. Além dos dois estrangeiros, o comandante português já não vai poder contar com Weverton e Danilo, convocados para a seleção brasileira pelo técnico Tite.

Dos quatro atletas, apenas Gómez poderá ser utilizado no clássico de domingo contra o Santos, já que ele se apresenta logo após a partida. Já os outros três desfalcam o time palmeirense já à partir da sexta-feira.

##RECOMENDA##

Vice-líder do Brasileiro com 12 pontos ao lado do São Paulo, Botafogo e Atlético-MG, o Palmeiras vai ficar sem os quatro atletas nos duelos diante do Atlético-MG (5/6) e Botafogo (9/6). As duas partidas estão programadas para o Allianz Parque.

A diretoria estuda a possibilidade de atenuar esses desfalques para os jogos contra o Coritiba e Atlético-GO. Essas partidas estão agendadas para os dias 12 e 15 de junho. Nesse caso, o aproveitamento dos convocados estaria condicionado à liberação deles das seleções de seus países.

Nesta programação de amistosos internacionais, o Paraguai enfrenta o Japão no dia 2 de junho e a Coreia do Sul no dia 10. Já o Chile enfrenta a Coreia do Sul no dia 6, e a Tunísia quatro dias depois. Existe ainda um terceiro jogo em aberto, que pode ser contra o Japão ou Gana, no dia 14 de junho.

Uma torcida organizada do Sport publicou nas redes sociais que, no jogo desta terça-feira (24), contra o CRB, pela Série B do Campeonato Brasileiro, estão proibidas peças de roupas e outros artigos que remetem à “marca” da organização. A proibição partiu do próprio clube.

O motivo, inicialmente, teria sido as brigas e roubos, durante o jogo da Copa do Brasil sub-17 contra o Corinthians, nas arquibancadas da Ilha do Retiro. Vale ressaltar que, desde janeiro de 2020, por meio de uma decisão judicial a pedido do governo do estado de Pernambuco, as torcidas organizadas de Sport, Náutico e Santa Cruz estão extintas.

##RECOMENDA##

Porém, isso é algo que, na prática, nunca impediu a ação deles nos estádios de futebol, tampouco a presença dos mesmos. Sport e CRB se enfrentam na Arena de Pernambuco às 19h.

O Santa Cruz anunciou, nesta terça-feira (24), um reforço para a lateral direita. O experiente Jefferson Feijão, de 35 anos, estava no Oeste, de São Paulo. O jogador chega para cumprir carência no setor.

Desde que Marcos Martins arrumou suas malas e deixou o Arruda, o Santa Cruz conta apenas com Edson Ratinho para a posição. No jogo contra o CSE, Martelotte até tentou uma formação diferente, com Wescley atuando por ali, e Edson entrando no segundo tempo.

##RECOMENDA##

Jefferson atuou em diversos clubes da região sudeste e centro-oeste do país, mas nunca passou pelo futebol nordestino. Pelo Oeste, na atual temporada, ele jogou 19 partidas, sendo titular em todas. Seu último jogo foi em 9 de abril, pela segunda divisão do Campeonato Paulista.

[@#video#@]

A CBF ainda tenta conseguir os pontos da partida interrompida contra a Argentina, válida pelas eliminatórias da Copa do Mundo. "Fazemos questão dos três pontos, para moralizar", afirmou, nesta terça-feira, o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

"Foi a Argentina que criou o problema. O Brasil estava lá para jogar, a Argentina é que causou problema. Por isso a CBF faz questão de ter os pontos", enfatizou o dirigente.

##RECOMENDA##

A partida era realizada na Neo Química Arena, o estádio do Corinthians, em São Paulo, em 5 de setembro do ano passado, e foi interrompida aos cinco minutos do primeiro tempo por agentes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), devido à presença de atletas argentinos que infringiram as regras sanitárias então vigentes no Brasil de combate à covid-19.

A Fifa remarcou o jogo para 22 de setembro deste ano, mas ainda há recursos pendentes tanto do Brasil como da Argentina, ambos querendo os pontos da partida. "Se a Fifa determinar que o jogo tem que acontecer, vamos jogar. A situação atual é essa, estamos nos preparando para a partida. Mas ainda tem recursos pendentes, vamos até o fim", disse Rodrigues. Como mandante da partida, o Brasil deve indicar onde ela será realizada - a CBF tem até o dia 22 de junho para isso.

Dinheiro

Um outro jogo entre Brasil e Argentina, este amistoso, ocorreria em 11 de junho na Austrália, mas foi cancelado a pedido da seleção rival. O presidente da CBF afirmou que a entidade vai cobrar da empresa organizadora desse amistoso o valor que seria pago em caso de realização da partida. "O cancelamento não foi causado pela CBF, queremos receber normalmente", disse Rodrigues.

O ato de Fair Play no duelo entre Fortaleza e Fluminense, do último domingo, marcou a rodada do Brasileirão do fim de semana. O jogador Moisés, da equipe cearense, parou um ataque promissor, enquanto seu time estava perdendo por 1 a 0, ao ver o zagueiro Nino sentir uma lesão muscular e desistir da jogada. O atacante do Fortaleza recebeu muitas vaias de torcedores ao parar o lance, mas recebeu o apoio dos colegas do Fluminense e também nas redes sociais.

A pressão no time cearense é grande: a equipe ocupa a lanterna do Brasileirão, sendo a única que ainda não venceu na competição, e já está a oito pontos de sair da zona do rebaixamento. O Fluminense publicou uma mensagem de reconhecimento em sua conta no Twitter no domingo mesmo pelo ato de Moisés e parabenizou o jogador rival pela atitude de jogo limpo em campo. "Todo o nosso respeito e admiração ao atleta Moisés, do Fortaleza, pelo ato de Fair Play no lance em que o nosso zagueiro Nino acabou sendo substituído. O futebol pode e deve ser assim. Parabéns pela atitude".

##RECOMENDA##

Discussões sobre Fair Play - ou a falta dele - são recorrentes no futebol brasileiro, em especial sobre simulações de faltas. Casos parecidos ao de Moisés não são tão comuns no País. O episódio mais recente e debatido de fair play no Brasil ocorreu em 2017. No clássico entre São Paulo e Corinthians, a arbitragem puniu o atacante Jô com o cartão amarelo por uma suposta falta no goleiro Renan Ribeiro, mas o zagueiro Rodrigo Caio confessou que havia sido ele que pisou no seu companheiro.

O time tricolor foi derrotado pela equipe alvinegra por 2 a 0 pelo jogo de ida das semifinais do Paulistão e acabou eliminado do Estadual na partida de volta. A atitude de Rodrigo Caio foi cercada de elogios e também de críticas. Ídolos são-paulinos, Oscar e Ronaldão elogiaram bastante a conduta do jogador, que chegou a ser condenado por Maicon, companheiro de zaga.

O Fair Play (ou jogo limpo) não está na regra do futebol, mas funciona como um princípio a ser seguido em que se valoriza o espírito esportivo e o respeito ao adversário. Apesar disso, a Uefa já penalizou atletas que desrespeitaram essa prática. Trata-se de um comportamento de cavalheiros, de parar o jogo quando alguém está caído no gramado.

Em 2012, o atacante Luiz Adriano, ex-Palmeiras e então no Shakhtar Donetsk, foi punido pela entidade europeia por marcar um gol na partida contra o Nordsjaelland, da Dinamarca, pela Liga dos Campeões, em um momento em que o seu time estava devolvendo intencionalmente a bola para o adversário em um ato de Fair Play. O brasileiro se aproveitou da jogada e balançou a rede, o que gerou a ira do time dinamarquês. Depois do jogo, Luiz Adriano disse que não havia visto a paralisação da partida e, por isso, fez o gol. Ele foi criticado em nota pelo presidente do Shakhtar.

RECONHECIMENTO DA FIFA

O prêmio mais antigo da Fifa é, justamente, o de Fair Play. Desde 1987, a maior entidade do futebol congratula personagens do esportes por suas atitudes exemplares em campo e fora dele. Em 2001, o italiano Paolo Di Canio ganhou o prêmio Fifa Fair Play por parar um ataque do seu time enquanto um jogador adversário estava lesionado. Pelo Campeonato Inglês, o West Ham, de Di Canio, atacava pelo lado direito e o goleiro do Everton, Paul Gerrard, saiu para fazer a defesa, deixando o gol desguarnecido. Mas o goleiro sentiu uma lesão grave na perna e ficou caído no gramado. O jogo não foi paralisado e a bola foi cruzada na área, mas Di Canio tratou de segurá-la com as mãos e interromper a jogada para que o adversário fosse atendido pelos médicos. Ele foi aplaudido por jogadores e torcedores.

Há três anos, o prêmio Fifa Fair Play foi concedido ao Leeds, da Inglaterra, que marcou um gol no Aston Villa, se aproveitando de um jogador adversário caído no gramado, com dores. O lance gerou grande discussão em campo e entre as comissões técnicas. O episódio ganhou ainda mais repercussão porque o técnico do Leeds, Marcelo Bielsa, autorizou os seus atletas a deixarem o adversário marcar o gol de empate, logo na saída do meio-campo.

No Brasil, há um problema que diz respeito à simulação. Muitos jogadores reclamam atendimento médico para parar o jogo, esfriar o adversário e mudar o ímpeto do rival. Geralmente, eles são atendidos por "águas milagrosas" jogadas no local da dor. O atleta se levanta e volta a jogar, ganhando alguns minutos no relógio.

Uefa e Adidas revelaram nesta terça-feira a bola que será utilizada na decisão de sábado entre Real Madrid e Liverpool da Liga dos Campeões da Europa. Ela será branca, com traços prateados, mas sem relação com a cor do time merengue. Trata-se de um alerta ao mundo contra as guerras e trará a palavra peace, "paz", em inglês, como protesto contra a invasão da Rússia à Ucrânia, há três meses.

Ultimamente, as bolas escolhidas para as decisões da Liga dos Campeões traziam apenas referências aos times da decisão e a palavra "final" com a cidade do palco da decisão. Desta vez, a Uefa e a Adidas se uniram para mandar a mensagem ao mundo.

##RECOMENDA##

A bola do jogo será encaminhada a leilão após a decisão. Toda a renda será destinada para a ACNUR (Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados), agência da ONU (Organização das Nações Unidas) que se dedica a ajudar a proteger as pessoas forçadas a fugir de suas casas por causa de conflitos e perseguições como está acontecendo na invasão russa à Ucrânia.

Curiosamente, a decisão seria em território russo. Estava originalmente marcada para a cidade de San Petersburgo, mas acabou mudando de sede por causa do conflito com a Ucrânia. O Stade de France, em Paris, acabou sendo escolhido e os clubes russos banidos das competições da entidade.

De acordo com a Adidas, "a bola foi projetada para transmitir uma mensagem simples de paz, pertencimento e esperança que será passada de jogador para jogador a cada chute da bola e além do Stade de France até os cantos mais distantes do mundo."

O zagueiro francês Kurt Zouma se declarou culpado à Justiça do Reino Unido, nesta terça-feira, por maus tratos aos seus gatosO jogador de 27 anos do West Ham, tradicional equipe da primeira divisão inglesa, foi flagrado chutando e batendo no animal de estimação em um vídeo compartilhado nas redes sociais.

O irmão de Kurt, Yoan Zouma, de 24 anos, também compareceu ao tribunal de Londres, onde reconheceu ter "ajudado, encorajado, aconselhado e incitado seu irmão mais velho a cometer um crime". Ele foi o responsável por divulgar as imagens na internet, no dia 6 de fevereiro. O vídeo gerou revolta entre a torcida do West Ham e a sociedade civil da Inglaterra, e Zouma veio a público se retratar.

##RECOMENDA##

"Quero me desculpar por minhas ações. Não há desculpas para meu comportamento, do qual me arrependo sinceramente. Gostaria de assegurar a todos que nossos dois gatos estão perfeitamente bem e saudáveis. São amados e queridos por toda a nossa, e esse comportamento foi um incidente isolado que não acontecerá novamente", afirmou Zouma em nota ao jornal The Sun.

Os gatos do jogador estão nas mãos da sociedade humanitária RSCPA, que iniciou processos para que Kurt e Yoan Zouma fossem acusados ????de acordo com a legislação de proteção ao bem-estar animal. Por sua vez, o West Ham não suspendeu o jogador, mas o multou em cerca de 300 mil euros (R$ 1,5 milhão), a mais alta possível. Ele também teve um acordo de patrocínio rompido pela Adidas.

O West Ham garantiu então que, de acordo com as informações disponíveis ao clube, os gatos não "sofreram nenhuma lesão física". A equipe de Londres garantiu mais tarde que a sanção financeira aplicada ao jogador foi doada a associações de proteção aos animais.

O Recife sofreu durante toda esta segunda-feira (23) com as fortes chuvas que caíram na Região Metropolitana. O temporal seguiu noite adentro e acabou causando o adiamento da partida entre Sport e CRB pelo Campeonato Brasileiro da Série B. O gramado da Ilha do Retiro não aguentou o volume de água e ficou completamente sem condições de jogo.

[@#galeria#@]

##RECOMENDA##

O árbitro Vinicius Gonçalves Araujo até seguiu o protocolo da CBF. Perto das 20h, os times entraram em campo, o hino nacional foi executado, mas nada de a bola rolar. Os jogadores voltaram para o vestiário e aguardaram um novo posicionamento, que seria dado às 20h55. Mas, realmente, não tinha condições. “O campo está totalmente alagado, não podemos correr o risco de machucar alguém”, disse o juiz. Oficialmente adiada, a partida foi remarcada para esta terça-feira (23), como manda o regulamento da competição.

Atualização

Após a confirmação do adiamento do jogo, o presidente do Sport, Yuri Romão, concedeu uma coletiva de imprensa e confirmou a realização do confronto na Arena de Pernambuco. O horário do jogo deve ser informado em breve pela CBF. 

O presidente também falou que os torcedores que compraram ingressos para o jogo desta segunda poderão trocar pelo duelo na Arena. Caso não consigam, eles podem usar na próxima partida em casa. 

Sobre a drenagem da Ilha do Retiro, Yuri justificou que as bombas foram ligadas ainda na parte da tarde e estavam funcionando, o problema foi o volume de água acima do normal que caiu no Recife.

Com informações de Luan Amaral

Após preocupar os torcedores do Corinthians ao cair no chão com muitas dores no ombro, durante o clássico contra o São Paulo, no domingo, o goleiro Cássio passou por exames na manhã desta segunda-feira. Os procedimentos não detectaram nenhuma lesão séria e apenas confirmaram a hipótese de subluxação, levantada pelos médicos ainda na Neo Química Arena, depois do empate por 1 a 1.

O problema é leve, mas impediu o ídolo corintiano de participar do treinamento específico com os outros goleiros do elenco, nesta manhã, comandados pelos preparadores Marcelo Carpes e Luiz Fernando dos Santos. Dessa forma, não é certo se estará à disposição para enfrentar o Always Ready na quinta-feira, pela última rodada da fase de grupos da Libertadores, novamente no estádio do time alvinegro.

##RECOMENDA##

Até sair do gramado, Cássio fez uma grande partida no domingo e foi essencial para evitar que os corintianos sofressem uma derrota inédita para o São Paulo na Neo Química Arena. Quando sentiu o ombro, o escolhido para substituí-lo foi Matheus Donelli, que pode ficar com a vaga na quinta, caso o titular não seja liberado. Ivan também é opção.

Antes de Cássio, o Corinthians vivia certa preocupação com outro ídolo, em situação que já caminha para o desfecho desejado. Recuperado de uma entorse no tornozelo direito, o lateral-direito Fagner iniciou, nesta segunda-feira, o processo de transição física. No gramado do CT Joaquim Grava, ele participou de atividades de corrida, passes e cruzamentos, sob o comando do preparador físico Leandro da Silva.

Sem Fagner há cinco jogos, desde o empate sem gols com o Deportivo Cali na Colômbia, Vitor Pereira utilizou Rafael Ramos em algumas oportunidades, mas também apostou em outras alternativas. Contra o São Paulo, escalou o time com três zagueiros e Mantuan fazendo a função de ala.

A Conmebol multou o Boca Juniors em 30 mil dólares (cerca de R$ 144 mil) como punição pelo gesto racista cometido por um torcedor xeneize na Neo Química Arena, em jogo contra o Corinthians. O episódio ocorreu no dia 26 de abril, quando os dois times se enfrentaram em São Paulo pela terceira rodada do Grupo E da Copa Libertadores da América.

Um vídeo flagrou o momento em que o torcedor argentino Leonardo Ponzo fez gestos imitando um macaco para provocar a torcida corintiana. Ponzo foi preso pela Polícia Militar na mesma noite da partida, por cometer injúria racial, mas acabou solto após pagamento de fiança no valor de R$ 3 mil, na manhã seguinte.

##RECOMENDA##

Em decisão publicada nesta segunda-feira e assinada por Eduardo Gross Brown, presidente da Comissão Disciplinar da Conmebol, o caso foi enquadrado nos artigos 9 e 17 do Código Disciplinar da entidade. O artigo 9 versa sobre a responsabilização dos clubes por atos cometidos por torcedores. Já o artigo 17 determina as sanções para casos de discriminação.

A multa tem relação apenas com a injúria racial flagrada na Neo Química Arena. Ou seja, não inclui o novo caso de racismo envolvendo torcedores do Boca Juniors, registrado na segunda partida contra o Corinthians, disputada no dia 17 de maio, em Buenos Aires. O reencontro entre os clubes teve outro registro em vídeo de um argentino imitando macaco.

Além disso, torcedores do time paulista denunciaram que foram tratados com descaso na Bombonera. A polícia teria demorado na escolta e revista dos ônibus, fazendo com que boa parte da torcida que esteve na capital argentina só pudesse entrar no estádio para ver o segundo tempo. O caso de racismo somado ao mau tratamento fizeram o Corinthians e a FPF protocolaram um pedido de punição ao Boca, mas a Conmebol ainda não deu uma resposta oficial.

Há 10 anos, o Glasgow Rangers passou por uma situação que é pouco comum no mundo esportivo. Mergulhado em uma dívida milionária, o tradicional clube da Escócia, fundado em 1872, teve sua falência decretada e precisou recomeçar a sua história na quarta divisão do futebol local. Em 2016, o clube retornou à primeira divisão e, aos poucos, continua retomando o seu protagonismo na Europa. Nesta temporada, o Rangers levou o título do Campeonato Escocês e da Copa da Escócia, além de ficar com o vice-campeonato na Liga Europa ao ser derrotado pelo Eintracht Frankfurt.

Hoje, no futebol brasileiro, há muitos clubes em situação semelhante ao Rangers de 2012, em virtude de más gestões que, ao passar dos anos, criaram um passivo gigante aos cofres das instituições.

##RECOMENDA##

Nesse cenário, as organizações esportivas têm buscado a salvação de seus problemas financeiros através da criação das Sociedades Anônimas do Futebol (SAFs). No entanto, o processo não é simples e requer muita atenção por parte dos gestores, como destaca Juliana Biolchi, mestre em direito e especialista em revitalização de empresas.

"Na fase de transição para a SAF são tomadas decisões importantes, que afetarão diretamente o futuro do clube. Por exemplo, ao escolher o regime de reestruturação das dívidas, três opções estarão disponíveis: Regime Centralizado de Execuções (RCE), recuperação extrajudicial e recuperação judicial", pontua.

Quando os clubes optam por uma recuperação judicial e não cumprem os prazos de pagamento estabelecidos no plano aprovado pelos credores, durante o período de supervisão (que pode ser de até dois anos), eles se sujeitam à convolação em falência. Essa consequência não se aplica ao RCE e nem à recuperação extrajudicial.

"Apesar de a Lei da SAF não ser clara a respeito da possibilidade ou não das organizações esportivas falirem nessas circunstâncias, entendo que sim, esses agentes também estão suscetíveis a essa determinação, principalmente se optarem pela recuperação judicial. Isto porque é uma consequência do descumprimento do plano. Dito isto, é importante destacar que, quando opta-se por uma recuperação judicial e não se cumpre os prazos estabelecidos no plano aprovado pelos credores durante o período de supervisão, os clubes se sujeitam a uma convolação, que resulta na decretação da falência. Essa consequência não se aplica ao RCE e nem à recuperação extrajudicial, somente à recuperação judicial", acrescenta.

No caso do Rangers, em 2012, houve uma tentativa de renegociação da dívida com o fisco britânico, que rejeitou essa possibilidade e exigiu o pagamento imediato do passivo, situação que foi determinante para a decretação da falência. Dessa forma, a Sevco Scotland, em junho de 2012, assumiu o clube, que passou a ter Charles Green como dono e recomeçou, ali, toda a trajetória até à elite do futebol.

"A falência precisa ser melhor compreendida dentro do sistema de insolvência, como de fato ela é: um instrumento de retomada. Assim, em tese, seria possível aproveitar essa oportunidade para preservar uma marca forte de um clube, com todas as paixões que esse ativo incorpora e passar a exploração disso para uma outra pessoa jurídica, encerrando aquela que teve insucesso", explica Biolchi.

"Dentro da lei de recuperação de empresas, a falência é o veículo que faz esse tipo de transferência. Assim aconteceu com o Rangers. São desdobramentos importantes que precisam ser considerados. O sistema é composto por diversos instrumentos, que precisam ser todos avaliados no balanço da decisão a ser tomada em relação ao passado, pelos significativos impactos no futuro", finaliza.

A história de Robert Lewandowski na Alemanha, ao que tudo indica, está próximo de um fim. Seu empresário, Pini Zahavi, voltou a afirmar neste domingo que o atacante polonês quer deixar o Bayern de Munique já nesta próxima janela de transferências.

"Para Lewandowski, as coisas estão muito claras: ele quer deixar o Bayern neste verão", disse Zahavi ao jornal alemão Bild. Segundo a imprensa europeia, o Barcelona teria feito uma oferta ao jogador, em torno de 32 milhões de euros (R$ 164 milhões). O atacante ainda tem um ano de contrato com o Bayern, mas a sua vontade de deixar a Alemanha pode ser um fator.

##RECOMENDA##

"É claro que eles podem manter Robert por mais um ano. Para ser justo, ele tem contrato até 2023, mas eu não o recomendaria. Para Robert Lewandowski, o Bayern é passado", afirmou seu agente. Segundo Zahavi, Lewandowski se sente desrespeitado pelo Bayern há alguns meses. "No ano passado, perguntei à diretoria do Bayern o que pensavam sobre uma extensão de contrato. A resposta foi um silêncio".

Zahavi também pontuou que o Bayern perdeu Lewandowski tanto como jogador quanto como pessoa. "Ainda não houve uma nova proposta do clube, mas ele quer realizar seus sonhos após oito anos em Munique", afirmou o empresário em possível referência ao Barcelona.

Por outro lado, Oliver Khan, presidente-executivo e ídolo do Bayern, e o diretor esportivo Hasan Salihamidzic, afirmaram publicamente que não deixarão Lewandowski partir antes de 2023, quando seu atual vínculo contratual chegará ao fim. Salihamidzic criticou a postura de seu agente, em entrevista ao canal "Sport 1". "(Lewandowski) tem um conselheiro que colocou coisas em sua cabeça o ano todo".

Lewandowski venceu os dois últimos prêmios de Melhor Jogador do Ano da Fifa e conquistou todos os títulos possíveis durante sua passagem pelo Bayern de Munique, onde chegou em 2014. Destacam-se os oito títulos consecutivos do Campeonato Alemão e uma Liga dos Campeões, em 2020.

Nesta segunda-feira (23), a diretoria do Sport lançou seu Portal de Transparência para que os torcedores acompanhem o pagamento de dívidas e o uso dos recursos financeiros do clube. As informações serão atualizadas mensalmente, prometeu a gestão.

Com base no Programa de Modernização da Gestão de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro (Profut), a plataforma transparencia.sportrecife.net vai apresentar dados como orçamentos, planejamento estratégico, organograma, conselho fiscal e outros fatos relevantes de interesse da torcida.

##RECOMENDA##

"No documento referente ao orçamento para a temporada, por exemplo, é possível ver a relação entre receitas e despesas com a descrição de cada mês do ano", apontou o clube.

“A tarefa de reestruturar as contas é árdua, mas estamos nos dedicando todos os dias para que dívidas sejam quitadas, projetos sejam elaborados e tudo que estiver ao nosso alcance seja feito visando a saúde financeira do Sport. A torcida faz parte disso, se fazendo presente com seu apoio, e merece essa transparência e o acesso às informações administrativas do Clube. Queremos mostrar o trabalho que está sendo realizado”, destacou o Presidente do Sport, Yuri Romão.

O Bayern de Munique iniciou nesta segunda-feira a definição de seu elenco para a próxima rodada após frustrante eliminação nas quartas de final da Liga dos Campeões. Querendo voltar ao topo na Europa, o clube renovou contrato com o goleiro Manuel Neuer, de 36 anos, até junho de 2024. Desta maneira, o capitão bávaro entrará para o Top 10 do clube.

Com 472 partidas disputadas pelos alemães, o goleiro está no 11° lugar do ranking de jogadores que vestiram a camisa do Bayern na história. São somente 27 jogos atrás de Bastian Schweinsteiger. Jogando direto nesses próximos dois anos, ele alcançaria até as cinco primeiras posições. Klaus Augenthaler atuou 552 vezes e ocupa o 5º lugar na lista.

##RECOMENDA##

Quem mais vestiu a camisa do Bayern foi outro goleiro, o ídolo Sepp Maier, com 670 partidas disputas. Perto dele vem o agora CEO do clube e também ex-camisa 1, Oliver Kahn.

"Estou muito feliz que meu caminho continue no FC Bayern. Teremos novamente uma equipe muito boa, com a qual podemos jogar por todos os títulos", afirmou Neuer. "Como goleiro, capitão e líder, quero ser um apoio e um fator decisivo em nossos grandes objetivos. Queremos estender nosso recorde no campeonato e voltar ao topo da Copa da Copa da Alemanha e da Liga dos Campeões", afirmou o experiente jogador de 36 anos e 21 conquistas pelo Bayern.

Decacampeão alemão, o Bayern fracassou nas últimas duas edições da Copa da Alemanha e caiu nas quartas da Liga dos Campeões desta temporada diante do Villarreal. Quer brigar pelo heptacampeonato europeu em 2022/23 e voltar a erguer a segunda mais importante taça do país.

"Manuel Neuer é um jogador que já garantiu seu lugar na história do FC Bayern. Estamos realmente ansiosos para os próximos anos com o melhor goleiro do mundo no gol da nossa equipe", festejou o acordo Herbert Hainer, presidente do Bayern.

"Manuel Neuer é o melhor goleiro do mundo e vem estabelecendo padrões internacionais há anos. É uma enorme conquista poder chamar a classe mundial de forma tão consistente durante um período de tempo tão longo. Estamos muito felizes por ter prorrogado seu contrato. Manuel é uma das figuras definidoras da história do FC Bayern, completou o CEO Oliver Kahn.

Na abertura da 9ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, Sport e CRB fazem um duelo de opostos na noite desta segunda-feira, a partir das 20 horas, na Ilha do Retiro, no Recife (PE).

Defendendo os 100% de aproveitamento diante do seu torcedor neste início de campeonato - três vitórias em três jogos -, o Sport está na terceira colocação, com 15 pontos, e pode assumir provisoriamente a vice-liderança.

##RECOMENDA##

Sem maiores problemas, o técnico Gilmar Dal Pozzo deve repetir a formação que empatou sem gols com o Novorizontino, fora de casa. Recuperado de uma fratura no nariz, o lateral-esquerdo Sander deve ficar à disposição no banco de reservas.

De ânimo renovado depois de vencer o Londrina, por 1 a 0, na estreia do técnico Daniel Paulista, o CRB tem sete pontos e está na penúltima colocação. Um novo resultado positivo tira o time da zona de rebaixamento.

Para esse jogo, Daniel Paulista tem o importante desfalque do volante Maicon, que tem passagens por Grêmio e São Paulo. O experiente jogador sofreu uma lesão na coxa direita durante o jogo contra o Londrina. Rafael Longuine é o provável substituto.

O Paris Saint-Germain venceu o Real Madrid na queda de braço para contar com Kylian Mbappé, mas o trabalho continua. A imprensa francesa aponta que a manutenção do astro será seguida por grandes mudanças nos bastidores. O diretor de futebol Leonardo vai deixar o clube, segundo o jornal L'Equipe. O dirigente brasileiro foi, junto ao presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi, alvo da ira da torcida nas últimas temporadas, apesar dos títulos nacionais.

Leonardo teve uma passagem como diretor do PSG entre 2011 e 2013 e depois retornou ao clube parisiense em 2019. A situação do brasileiro foi parte das discussões envolvendo a renovação do contrato de Mbappé até 2025. O português Luis Campos, de 57 anos, é cotado para substituí-lo.

##RECOMENDA##

Campos foi responsável por contratações importantes no Monaco, entre 2013 e 2016, e tem boa relação com Mbappé. O perfil de reforços do dirigente português é de nomes fora dos principais holofotes nas janelas de transferência, justamente o oposto do que o clube fez nos últimos dez anos.

Com suas descobertas, o clube de Mônaco foi campeão francês em 2017 após sua saída para o Lille, que levantou o caneco nacional na temporada seguinte. Campos foi responsável pela contratação dos atacantes turco Burak Yilmaz e do canadense Jonathan David e a dupla marcou 29 gols na campanha do título francês.

O meia argentino Angel Di María se despediu do PSG na última rodada do Francês e o clube deve ter mais mudanças no elenco. A atuação no mercado de transferências será tocada pelo próximo diretor de futebol.

POCCHETINO PODE DAR ADEUS AO PSG

Outros setores do clube também devem passar por grandes reformulações, o que pode ser considerado uma "revolução" interna, de acordo com o The New York Times. O técnico argentino Mauricio Pochettino pode ser outro a deixar Paris. Ele compõe a longa lista de treinadores do clube que conquistaram taças na França, mas fracassaram em ser campeões europeus com o clube.

O treinador francês Christophe Galtier, campeão com o Lille na temporada passada, e atualmente no Nice, é um dos nomes na lista para assumir o comando do time. Zinedine Zidane é outro técnico cogitado, mas aguarda a definição sobre o comando da seleção francesa após a Copa do Mundo. Zidane sonha em substituir Didier Deschamps, mas ainda não há definição sobre o futuro do treinador após o Mundial.

MBAPPÉ PARTICIPOU DE 74 GOLS EM 52 JOGOS NA TEMPORADA

Aos 23 anos, Mbappé já colecionou 14 troféus, sendo o principal a Copa do Mundo de 2018. O único troféu importante que falta ao currículo da estrela é justamente a Liga dos Campeões, grande objeto de desejo do PSG. Ao lado de Karim Benzema, com quem poderia atuar junto no Real Madrid, é uma das forças da favorita França para a Copa do Mundo do Catar, em novembro e dezembro.

A temporada do craque francês foi excelente, apesar do trio composto com Neymar e Lionel Messi não embalar na principal competição europeia. Mbappé fez 48 gols e deu 26 assistências nas 52 vezes em que entrou em campo. Ele liderou o PSG em gols, assistências, dribles e finalizações no Campeonato Francês, segundo números do Footstats.

PSG E CATAR

O Paris Saint-Germain se transformou em 2011 quando foi comprado pela Qatar Sports Investments (QSI), fundo de investimentos do emir do Catar, Tamim bin Hamad Al Thani. A aquisição foi definida por especialistas como um exemplo de sportswashing, ou seja, o uso estratégico e político do esporte para melhorar sua reputação no mundo, escondendo ações negativas de governos.

Com um orçamento turbinado por um Estado, o PSG virou da noite para o dia uma máquina, pelo menos, de movimentar dinheiro no mercado do futebol. Hoje, o clube está avaliado em US$ 2,5 bilhões segundo a revista Forbes, ocupando a nona posição no ranking. Com uma injeção de 1,3 bilhão de euros (ou R$ 7,3 bilhões, valores não corrigidos) em reforços desde 2011, o PSG assumiu o protagonismo no futebol francês enquanto busca entrar de vez no grupo dos principais times da Europa.

O Corinthians divulgou nota oficial na noite deste domingo (22) para lamentar as ocorrências na Neo Química Arena, no clássico com o São Paulo, e explicando que identificou o torcedor que acendeu um sinalizador nas arquibancadas durante a partida, válida pela sétima rodada do Brasileirão.

"Ele foi localizado pelo sistema de câmeras do estádio e conduzido pela Polícia Militar à sala de policiamento local. Ali seus dados foram coletados para que o clube tome as providências cabíveis quanto à responsabilidade do ato. O clube comunicou a identificação ao árbitro da partida, para que as informações fossem adicionadas à súmula", disse o clube.

##RECOMENDA##

Como o presidente Duílio Monteiro Alves já havia declarado, no início da noite, a direção do clube reiterou o lamento pelos cantos homofóbicos que partiram das arquibancadas ao longo do clássico, que terminou empatado por 1 a 1.

"O Corinthians reafirma o repúdio a tal prática. Vale lembrar que o clube alerta continuamente sua torcida, por meio de suas redes sociais e do sistema de som e de telões da Neo Química Arena para a ilegalidade desses comportamentos inaceitáveis. Fica aqui mais uma vez o pedido à Fiel Torcida para que esses atos não se repitam em nossa arena", continuou a nota oficial.

Depois de uma vitória suada, neste domingo (22), no Arruda, contra o CSE, o treinador do Santa Cruz, Marcelo Martelotte, disse que o seu time foi "dominante" durante toda a partida. O técnico também comentou o fato de sua equipe sair mais uma vez atrás do placar nesta Série D e disse que está trabalhando essa questão com os jogadores.

Apesar disso, ele elogiou o grupo pelo poder de reação depois de sair perdendo. “Lógico que a gente não gosta de sofrer gol e nem encara com naturalidade essa situação de ter sempre que correr atrás do placar. Mas no jogo existem essas situações e você não pode se abater. Acho que a gente sempre esteve bem, sempre tivemos o domínio das ações”, disse. 

##RECOMENDA##

“Achei que fomos perfeitos, depois do 2x1. O adversário não chutou nenhuma bola no gol e isso demonstra que se tivemos dificuldade foi por estar atrás do placar e se expor mais. Conseguimos controlar bem, ter a bola. Tivemos mais perto de fazer o terceiro gol do que eles de fazer o gol do empate”, comentou Martelotte.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando